quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

CLTNEWS | TRT da 8ª Região: Saiu edital para técnico e analista. 2º e 3º graus. Até R$11.284,62


O Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região, que abrange os estados do Pará e Amapá (TRT-PA/AP) publicou nesta terça-feira, 22 de dezembro, o edital de abertura do concurso público para técnico e analista judiciários, carreiras que exigem os níveis médio e médio/técnico e superior, respectivamente. A seleção contempla diversas especialidades em cada uma das carreiras. Inicialmente, somente o cargo de analista judiciário na área de Tecnologia da Informação preencherá vagas imediatas, 28 no total. A função exige nível superior ou pós-graduação em Informática. As demais oportunidades são para formação de cadastro de reserva.


Para técnicos, a remuneração total é de R$6.224,79, sendo a soma do vencimento básico, a Gratificação por Atividade Judiciária (GAJ) , a Vantagem Pecuniária Individual (VPI) e o auxílio-alimentação, de R$799. Já para analistas (exceto oficial de justiça), os ganhos mensais são de R$9.662,84, já incluídos o vencimento, a GAJ, a VPI e o auxílio-alimentação, de mesmo valor. Os analistas na especialidade oficial de justiça avaliador receberão R$11.284,62, somados o vencimento básico, a GAJ, a VPI, o auxílio-alimentação de R$799 e ainda a gratificação pde atividade externa (GAE). Os futuros contratados ainda terão benefícios como auxílio-creche e plano de saúde, entre outros.


A carga horária semanal para todas as carreiras será de 40 horas. O regime de contratação será o estatutário, garantindo a estabilidade. A lotação poderá ser no Pará ou no Amapá. A validade do concurso será de dois anos, renovável por igual período, o que facilitará o aproveitamento de mais aprovados do cadastro de reserva.

As inscrições começam às 10 horas do dia 8 de janeiro e terminam no dia 27 do mesmo mês. Para se candidatar, é necessário acessar o site do Cespe/UnB, que organiza o certame. As taxas são de R$ 90 (técnico) e R$120 (analista). Inscritos no CadÚnico do Governo Federal que forem membros de família de baixa renda poderão requerer a isenção do pagamento, no mesmo período, também no site do organizador.

As provas escritas serão aplicadas em dois turnos, no dia 13 de março, nos municípios de Belém, Marabá e Santarém, no estado do Pará, além da capital do Amapá, Macapá. O cartão com as informações das avaliações será disponibilizado no dia 3 de março, no site do Cespe. Os candidatos farão exames objetivo e discursivo. No primeiro, serão 60 questões de Conhecimentos Específicos, de caráter eliminatório e classificatório. Já o segundo terá caráter apenas classificatório.

Serviço

Fonte: Folha Dirigida

3 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Na parte de Processo Civil do conteúdo programático, será o novo código?

    ResponderExcluir
  3. Na parte de Processo Civil do conteúdo programático, será o novo código?

    ResponderExcluir