segunda-feira, 23 de março de 2015

TRT da 1ª Região: 40 servidores tomam posse


Quarenta novos servidores tomaram posse na manhã desta sexta-feira (20/3), no auditório do Prédio-Sede do TRT/RJ. Desse total, foram empossados seis analistas judiciários - Área Judiciária; dois analistas judiciários - Área Administrativa; 30 técnicos judiciários - Área Administrativa; um técnico judiciário - Especialidade Tecnologia da Informação; e um técnico judiciário - Especialidade Segurança. Até o final de março, os servidores participarão, além do programa de ambientação, da 1ª Turma de Formação Inicial.


A maioria foi lotada nas Varas do Trabalho. À tarde, o grupo foi conduzido pelo servidor da Seção de Gestão de Memorial, João Roberto de Oliveira Nunes, a conhecer algumas instalações do Prédio-Sede.

Até agora, já foram nomeados 18 analistas judiciários da Área Administrativa, 95 analistas judiciários da Área Judiciária, 311 técnicos judiciários da Área Administrativa, quatro técnicos judiciários - Área de apoio especializado em Tecnologia da Informação e 59 técnicos judiciários - Área de apoio especializado em Segurança. À exceção dos técnicos judiciários - Especialidade Segurança, do concurso de 2010, os demais foram aprovados no concurso de 2012.

As boas-vindas e os "bem-chegados" (tipo de doce oferecido pela Secretaria de Gestão de Pessoas) ficaram a cargo dos diretores da Secretaria-Geral Judiciária, Luis Felipe Carrapatoso Peralta, da Secretaria de Gestão de Pessoas (SGP), Sônia Regina de Freitas Andrade, da Secretaria de Administração de Pessoal (SEP), Lucio de Paula Correa, e da assistente da diretora da Escola de Administração e Capacitação de Servidores (Esacs), Viviane Lopes Cortat de Souza.

"Vocês são de uma geração talentosa com muito valor e vieram oxigenar o TRT/RJ. Sugiro conhecer nosso Planejamento Estratégico, que não deve ficar somente no papel, deve correr pelas nossas veias", disse Sônia Andrade.

Essas posses representam para os novos servidores uma conquista pessoal. O gaúcho Lucas Silveira Bohn, empossado no cargo de analista judiciário (Área Judiciária), casado com uma niteroiense, passou no concurso do TRT da 23ª Região (Mato Grosso) há três anos, para o mesmo cargo. Persistente, continuou estudando e agora toma posse no Regional fluminense, próximo à família da esposa.

Dois servidores que trabalhavam no Ministério Público Federal (MPF/PRR-2) passaram para cargos em áreas distintas. Vinicius Velleda Pacheco, técnico judiciário, Especialidade Tecnologia da Informação e Luciana Padilha, analista judiciária, Área Judiciária. Já para o novo técnico judiciário Caio Miranda, o momento também é de transformação. Formado em Cinema, trocou de carreira estudando matérias específicas para o concurso do TRT/RJ. Mesmo após aprovação, animado com a ideia de trabalhar na área judiciária, continuou estudando e acabou de ser aprovado no vestibular para Direito na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj).


Fonte: TRT da 1ª Região

Nenhum comentário:

Postar um comentário