quarta-feira, 13 de agosto de 2014

Os sete perfis dos concurseiros. Qual é o seu?


E aí, amigo. Será que você que pode ser considerado um “concurseiro paraquedista” ou até mesmo um “concurseiro político”? E que tal se descobrir um “concurseiro neurótico”? Enfim: qual é o seu perfil como concurseiro? Na lista abaixo, indicamos os sete principais perfis de candidatos à certames. Confira e veja qual mais se identifica com você:


O mentiroso: O concurseiro que diz estudar 15 horas por dia e não tirar a cara dos livros, das videoaulas, mas na verdade passa o dia no Facebook, Whatsapp e Candy Crush.

O paraquedista: O concurseiro que fica sabendo que existe um edital para o cargo que oferece um bom salário. Não sabe o que faz a função, não conhece o edital, não sabe quais matérias serão cobradas, mas se inscreve e cai de paraquedas na prova.

O neurótico: O concurseiro que não para de pensar um minuto em certames: 26 horas por dia, 8 dias por semana. Respira concursos. Acha que se não estudar no dia dos pais, não conseguirá ser aprovado.

O sortudo: Estuda apenas duas vezes por semana, sempre arruma uma desculpa para não assistir as aulas, mas quando vai fazer o concurso descobre que as questões cobram exatamente o conteúdo que ele estudou. Reza a lenda que essa espécie de concurseiro encontra-se, atualmente, em extinção.

O político: Cheio de promessas. Amanhã eu compro o curso; próxima semana eu me inscrevo no certame; mês que vem eu vejo as aulas... e assim sucessivamente. Contudo, esquece que passar em concurso público exige mais do que promessas.

O sonhador: “Com a bagagem que eu tenho da faculdade (que terminei há anos) mais a leitura de um bom resumo, com certeza serei aprovado num concurso”, sonha ele. Para este só temos a dizer: “vai sonhando, inocente”.

O CERScurseiro: este concurseiro é especial. Ele resolveu de fato investir em sua carreira. Assiste as aulas preparatórias do CERS, monta (e segue) um bom cronograma de estudos, compram boas doutrinas, acompanham diariamente as atualizações legislativas e jurisprudenciais do PCJ, realiza simulados recorrentemente, segue nossos professores nas redes sociais e fica, diariamente, por dentro de dicas exclusivas, estuda e se diverte ao mesmo tempo assistindo aos vídeos do CERSTV e lendo as matérias da Revista Edital, além de ter a sabedoria de dividir, perfeitamente, seu tempo entre a preparação e a vida social.

Se você ainda não é um CERScurseiro, abaixo uma ótima oportunidade para começar a sê-lo. Aproveite!



Fonte: CERS/Rodrigo Rigaud e Danilo Christófaro

Nenhum comentário:

Postar um comentário