terça-feira, 10 de dezembro de 2013

TRT2 | Técnico Judiciário - Área Administrativa: Somente Trabalho e Processo do Trabalho


Colegas Concurseiros.


Foi publicado o edital do TRT da 2ª Região, com jurisdição em São Paulo - capital, e com ele já surgiram as primeiras dúvidas, dentre as quais destacamos a seguinte: quais disciplinas serão cobradas para o cargo de técnico judiciário - área administrativa?

Analisando atentamente  o edital, chega-se à conclusão de que serão cobradas somente 5 disciplinas + redação, sendo somente duas de Direito, vejamos:

Conhecimento Gerais:
  • Língua Portuguesa;
  • Raciocínio-Lógico Matemático.
Conhecimentos Específicos:
  • Noções de Direito do Trabalho;
  • Noções de Processo do Trabalho;
  • Noções de Gestão Pública.
Prova discursiva (Redação).


Fiquem ligados!

Equipe CLT

26 comentários:

  1. Olá. No título, vocês se referem ao edital para "Técnico Judiciário - Área Administrativa", mas durante a matéria, referem-se ao cargo de "Técnico Judiciário - Área Judiciária". Poderiam, por favor, especificar melhor sobre qual cargo refere-se o texto? Afinal, não existe o cargo de "Técnico Judiciário - Área Judiciária", não é mesmo? Obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. você sabe que não existe este cargo né. se está assim é porque houve algum erro

      Excluir
  2. Estranho, este material não é sequer um arquivo em pdf e está com data de hoje (10/12) no DOU, mas no próprio site do DOU não tem nada!

    ResponderExcluir
  3. Creio que este edital vai ser corrigido ainda pq Dir.const e Dir administrativo nunca fica de fora....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho que desta vez estas matérias de Direito irão ficar fora do Edital..., Sempre tem a primeira vez...
      TRT 15 já castigou bastante os técnicos !!!

      Excluir
  4. Pelo o que entendi para o cargo de técnico judiciário - área administrativa o conteúdo cobrado será: Conhecimentos Gerais: Língua Portuguesa, Raciocínio - Lógico matemático, Direito Administrativo e Direito Constitucional ; Conhecimentos Específicos: Direito do Trabalho, Direito Processual do trabalho e Gestão Pública.
    Outra correção: Não há no edital publicado vagas para o cargo de TÉCNICO JUDICIÁRIO- ÁREA JUDICIÁRIA.

    ResponderExcluir
  5. Eu acredito que desta vez para Técnico Judiciário - Área Administrativa o Direito Constitucional e Administrativo ficarão de fora pois para Técnico na Área específica de Segurança, não entraram o Direito do Trabalho e Processual do Trabalho e por isso desta vez para Técnico Administrativo não irá cair Constitucional e Administrativo.
    Outra explicação também seja porque o peso 2 será para conhecimentos gerais e não para conhecimentos específicos, e por isso para técnico a exigência maior seja que o canditado seja melhor em conhecimentos gerais e não no conhecimento específico.

    ResponderExcluir
  6. Pra mim as disciplinas estão claras no edital para o cargo de técnico judiciário (área administrativa) para cada área de conhecimento. Conhecimentos Gerais - Língua Portuguesa; Raciocínio Lógico; Direito Constitucional e Direito Administrativo. Conhecimentos Específicos - Direito do Trabalho; Direito Processual do Trabalho e Gestão Pública.

    ResponderExcluir
  7. Lamentável vcs postarem uma noticia errada assim... LEIAM O EDITAL, antes de postarem em busca de audiência.....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia o edital com atenção. A matéria está certa. Não estão cobrando Direito Administrativo e Constitucional para o cargo de Técnico Administrativo e sim para as áreas específicas, como por exemplo: segurança, tecnologia da informação e enfermagem. Antes de criticar, fundamente-se.

      Excluir
    2. Prezado Anônimo, a matéria tem o único fim de informação. Ressaltamos que ela está correta, após a leitura detida do edital. Não usamos de expedientes estranhos para conseguirmos nossa audiência. Nesta oportunidade, agradecemos o seu comentário e sua contribuição positiva.

      Excluir
    3. Esse anônimo... Burro e ignorante! Tem mais é que se foder mesmo!!!!

      Excluir
    4. Anônimo otário mesmo. Vai cassar o que fazer em vez de ficar criticando o site, que só quer nos ajudar.

      Excluir
  8. Claro que estão cobrando Administrativo e Constitucional. Está em conhecimentos gerais de técnico - área administrativa. Leiam direito e com cuidado o Edital antes de postarem a notícia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezada Erika, respeitamos muito sua opinião, mas sugerimos que leia novamente o edital. Noções de Administrativo e Noções de Constitucional não serão cobradas para o cargo de Técnico Judiciário - Área Administrativa.

      Excluir
    2. Tem gente que não sabe mesmo o que fala, vivem dando saraivada!!

      Excluir
    3. Erica vc sabe ler? acho melhor nem tentar prestar esse concurso...

      Excluir
  9. Não esta cobrando essas duas matérias em conhecimentos gerais.

    ResponderExcluir
  10. TÉCNICO JUDICIÁRIO ÁREA ADMINISTRATIVA - ESPECIALIDADE SEGURANÇA

    ResponderExcluir
  11. Leiam o edital com mais atenção antes de criticar o site! Na parte onde consta essas duas matérias não aparece o cargo Técnico Judiciário - Área Administrativa, portanto não serão cobradas, a não ser que tenhamos uma retificação.

    ResponderExcluir
  12. Como vcs querem fazer um concurso se não sabem nem interpretar um texto?
    Gente, NÃO CAI D.CONSTITUCIONAL E ADM. pra técnico.
    Leiam, vejam as vírgulas do edital, prestem atenção.
    E se matriculem num cursinho preparatório, com urgência.

    ResponderExcluir
  13. Pra acabar com a polêmica: acessem o site do TRT2. "A FCC irá publicar um edital retificando e incluindo as matérias de Direito para o cargo de Téc. Judiciário." Ou seja, se houve erro, foi da FCC, não desse site.

    ResponderExcluir
  14. "A Fundação Carlos Chagas prepara retificação do edital para o cargo de técnico judiciário – área administrativa. A correção contemplará a inclusão das matérias de direito administrativo e direito constitucional." Fonte: site do TRT2

    ResponderExcluir
  15. Podem desvendar a de analista área administrativa! !

    ResponderExcluir
  16. Para Técnico Judiciário - Área de Informática pede Ensino médio ou Curso Técnico na área e especialização de 120 horas. Assim, tanto ensino médio de 2ºgrau básico, como um técnico especializado poderiam realizar o concurso nas mesmas condições.

    ResponderExcluir