quarta-feira, 27 de novembro de 2013

CLTNEWS | Concurso do TRT da Bahia possui mais de 71 mil candidatos inscritos


Mais de 71 mil (71.143) candidatos efetivaram a inscrição para o concurso público do Tribunal Regional do Trabalho da Bahia (TRT/BA), cujas provas para os 22 tipos de cargos constantes do edital ocorrem no próximo domingo (1º/12) em Salvador, em cerca de 40 locais. O cargo mais concorrido é o de técnico judiciário da área administrativa, com 32.092 inscritos. O segundo maior número de inscrições - 15.282 - foi para o cargo de analista judiciário da área judiciária, seguido do de analista judiciário da área administrativa, com 6.740 inscritos. Já para o cargo de analista judiciário/oficial de justiça avaliador, 5.501 inscrições foram efetivadas.



Um total de 941 candidatos concorre na condição de pessoa com deficiência, sendo que a única vaga destinada a este público, no cargo de técnico judiciário, está sendo disputada por nada menos que 413 candidatos. É alta também a quantidade de inscritos para outros 17 cargos que, por enquanto, oferecem apenas a formação de cadastro de reserva. Um total de 11.528 inscrições foi efetivado para esses cargos, entre as quais se destacam Enfermagem (2.217), Fisioterapia (1.386) e Tecnologia da Informação (1.187), por apresentarem mais de mil inscritos (veja a quantidade de inscritos para cada cargo na tabela abaixo).

CERTAME - Organizado pela Fundação Carlos Chagas, o concurso público do TRT da 5ª Região, na Bahia, visa ao preenchimento imediato de 13 vagas - uma para oficial de justiça, duas para analista judiciário / área judiciária, duas para analista judiciário / área administrativa (nível superior), e oito para técnico judiciário (nível médio) - e formação de cadastro de reserva. Do total de vagas para convocação imediata, uma está reservada para pessoa com deficiência, a quem o edital garante a destinação de 5% das vagas que vierem a surgir ou forem criadas no prazo de validade do certame.

As provas objetivas do dia 1º de dezembro terão 60 questões, com duração de 4h30min, sendo que as provas o cargo de técnico judiciário serão aplicadas no turno da manhã e as do cargo de analista judiciário no turno da tarde. Os locais e horários das provas, divulgados no último dia 20 no Diário da Justiça Eletrônico, poderão ser consultados no site da Fundação Carlos Chagas.



Fonte: TRT da 5ª Região

7 comentários:

  1. Rpz essa concorrência de técnico ai n existe n para ganhar liquido 3000 e melhor ser policia VC e doidoooo esse salario o cara morre de fome n paga nem a parcela do carro

    ResponderExcluir
  2. O cara aí de cima ta tentando eliminar os concorrentes começando por aqui... Kkkkk

    ResponderExcluir
  3. Mas a jogada é essa.. kkkk

    ResponderExcluir
  4. qual carro vc quer comprar?? camaro amarelo??

    ResponderExcluir
  5. o salário não é 3000 líquido é 4500, não é muita coisa mesmo não, mas em um país onde a maioria das pessoas estão fodidas, 4500, pra quem não é consumista, dá pra viver sim. Agora, se você tem o sonho de conhecer a Disney, andar de Camaro Amarelo, fazer parte das festas das celebridades da Rede Globo ao algo que o valha, dai, meu jovem, você terá que ou ter nascido rico ou roubar, porque no nosso país pra se ter muita grana só restam essas duas opções.

    ResponderExcluir
  6. Caro colegas meu comentário acima foi muito pertinente, pois já fui tecnico e quando descontava tudo dava bem perto disso e hj sou analista de são Paulo vcs tao por fora de salario mas quando entrarem vão ver a realidade dos descontos sobre os salários de nos pobres funcionários desejo boa sorte nessa caminhada de vcs

    ResponderExcluir
  7. como disse acima, o salário líquido pelo que falaram está por volta de 4500, não é muita coisa mesmo não, mas já é alguma coisa. Com certeza deve haver muitos descontos no salário, tem aquele aumento que vai até 2015, dizem que de técnico vai beirar uns 6 liquído, eu duvido muito. Acho que no máximo uns 5 e olha lá. Estudo pra técnico, sei que é a realidade do país, enfim, não tem muito o que fazer. Agora, quem quer ganhar grana sendo concursado tem que abraçar a área fiscal, os salários são bem maiores; entretanto, há muita responsabilidade. Pelo menos eu, sou do tipo que prefiro ganhar menos com uma responsabilidade menor, do que ganhar mais com muita responsabilidade, mas vai de cada um.

    ResponderExcluir