segunda-feira, 14 de outubro de 2013

CLTNEWS | Concurso do TRT de Campinas: Inscrições começam hoje, 14





As inscrições para o concurso do TRT da 15ª Região, com sede na cidade de Campinas, serão recebidas a partir das 10 horas desta segunda-feira, dia 14 de outubro. A seleção visa o preenchimento de duas vagas imediatas, além de formação de cadastro de reserva. As remunerações variam de R$4.635,03 a R$9.188,20, de acordo com a área de atuação. Um grande número de convocações durante o prazo de validade do concurso já foi garantido pelo presidente do órgão, desembargador Flávio Alegretti. No último concurso, a oferta inicial foi de 11 vagas, no entanto foram convocados 1.667 servidores, dos quais 1.052 somente para o cargo de técnico.

Os interessados devem se cadastrar pela internet, na página eletrônica da Fundação Carlos Chagas, organizadora da seleção. As taxas de inscrição são de R$82,80 para analistas e R$67,80 para técnicos. Seu pagamento deve ser feito por meio de da Guia de Recolhimento da União (GRU-SIMPLES) exclusivamente no Banco do Brasil S/A. A guia será gerada no próprio site da FCC no ato da inscrição, tendo como favorecido a Unidade Gestora - Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região. O prazo para se cadastrar se encerra às 14 horas do dia 7 de novembro.

O candidato sem deficiência que necessitar de condição especial para realização da prova deverá solicitá-la até o término das inscrições. A ficha deve ser enviada via Sedex ou Aviso de Recebimento (AR) à FCC, juntamente com o laudo médico (original ou cópia autenticada) que justifique o pedido.

Cargos e exigências

O cargo de analista judiciário conta com oferta nas áreas judiciária, administrativa e apoio especializado, está última dividida entre as especialidades de arquivologia, biblioteconomia, contabilidade, engenharia civil, psicologia, serviço social e tecnologia da informação. Já para técnico judiciário as oportunidades são para as áreas administrativa, de segurança e apoio especializado em tecnologia da informação.

Para concorrer a analista da área judiciária é necessário ensino superior em direito, já para apoio especializado é necessário curso superior na área de atuação. Para analista na área administrativa é necessário nível superior em qualquer área.

Já para o cargo de técnico, a exigência é de nível médio completo. Para a área de segurança ainda é necessário possuir Carteira Nacional de Habilitação (CNH) no mínimo de categoria “D”, enquanto para área de tecnologia da informação a exigência é de curso técnico na área de informática.

Provas

As provas objetivas para todos os cargos serão realizadas no dia 15 de dezembro, no período da manhã. No mesmo dia e horário serão realizadas para alguns cargos as provas discursivas e de redação. Os candidatos a técnico judiciário da área de segurança realizarão prova de aptidão física, que deve ser realizada um dia após a prova objetiva.

Os exames para técnico judiciário - área administrativa, analista judiciário - área judiciária - especialidade Oficial de Justiça Avaliador Federal e analista judiciário - área judiciária, serão realizados nas cidades de Bauru, Campinas, Jundiaí, Piracicaba, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto, São José dos Campos e Sorocaba. Já para as demais áreas a prova será realizada somente em Campinas, sede do TRT15.

Serviço

O endereço para o envio do laudo médico é: Av. Prof. Francisco Morato, 1.565, Jardim Guedala, São Paulo – SP. CEP: 05513-900.

Fonte: Folha Dirigida

Um comentário:

  1. Gostaria de saber se o local que escolher para fazer a prova, será o local de classificação?

    ResponderExcluir