terça-feira, 10 de setembro de 2013

Edital: entenda sua importância.






Local e horário de prova, disciplinas cobradas para o certame, número de vagas, etc. Essas são algumas das informações que se encontram explicitas em um edital de concurso público. Como o nome prevê, o edital deve conter todas as informações de uma seleção e responder aos questionamentos do candidato. Por tudo isso, é imprescindível que se faça uma completa e detalhada leitura logo após sua publicação. Ler e entender o edital é tão importante quanto a preparação para enfrentar a prova.


Contudo, a leitura de um edital de concurso público nem sempre é uma tarefa fácil ou agradável. Mesmo assim, não se pode fugir dele. “Tudo que se refere a um concurso está no edital. São as regras do jogo. Aquilo que pode ou não pode ser feito, a quantidade de questões, está tudo lá. Por isso é necessário que o candidato direcione ao edital a devida importância que ele tem”, comenta Rodrigo Bezerra, coordenador pedagógico do CERS Cursos online.

Não é raro encontrarmos concurseiros que acabam por não passar em uma seleção ou ter a nota reduzida pelo simples fato de não lerem o edital. “Certa vez fui fazer o concurso do TJPE e levei uma doutrina comentada, o que era proibido no edital. Acabei fazendo a prova sem o material de consulta adequado e não fui aprovado”, lamenta Flávio Bonamigo, advogado e concurseiro.

O edital é, portando, um guia e companheiro de quem vai fazer um concurso público. É bom ter o hábito de fazer a leitura e compreender o que se pede, bem como dirimir as dúvidas acerca da seleção escolhida.

Fonte: CERS/Portal Carreira Jurídica/Joffre Melo

Nenhum comentário:

Postar um comentário