segunda-feira, 2 de setembro de 2013

CLTNEWS | Aprovados na Câmara Projetos de autoria do TST






A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara dos Deputados aprovou, terça (27), cinco proposições que criam cargos e funções na jurisdição de diversos Órgãos da Justiça do Trabalho.

Por sugestão do Deputado Onofre Santo Agostini (PSD/SC) e a aquiescência da Comissão, a Presidência da CCJ procedeu à votação dos projetos de lei em sequência:


PROJETO
RELATOR
ÓRGÃO
QUANTITATIVO
PL 4.217/12
Dep. Eduardo Azeredo (PSDB-MG)
CSJT
26 de Analista (TI)
18 de Técnico (TI)
Total: 44 cargos
PL 4.213/12
Dep. Paulo Magalhães (PSD-BA)
TRT 5ª Região
255 funções comissionadas, nível FC-2

PL 4.222/12
Dep. Fábio Trad (PMDB-MS)
TRT 24ª Região
8 de Analista (TI)
PL 4.226/12
Dep. Luiz Carlos (PSDB-AP)
TRT 8ª Região
46 de Analista (TI)
1 de Técnico (TI)
Total: 47 cargos
PL 4.227/12
Dep. Leonardo Picciani (PMDB-RJ)
TRT 1ª Região
82 de Analista (TI)

  
As votações foram viabilizadas, também, pelas intervenções dos Deputados Ricardo Berzoini (PT/SP), João Paulo Cunha (PT/SP), e Sandro Mabel (PMDB/GO).

Será aberto, regimentalmente, o prazo de cinco Sessões ordinárias do Plenário da Câmara para a apresentação de recurso contra a apreciação conclusiva dos projetos. Decorrido o prazo, as matérias voltam à CCJ para a aprovação de suas redações finais antes de seguir para a revisão do Senado Federal.

Fonte: Assessoria Parlamentar do TST

3 comentários:

  1. Esses cargos "Nível FC-"2 são nível médio?
    Não consegui entender se alguém souber me responder.
    Obrigado.

    ResponderExcluir
  2. fc2 nao são cargos novos. são funções comissionadas que aumentam o salário dos servidores, seja analista ou técnico. Em outras palavras, os servidores que as possuem têm aumento de salário e também de responsabilidade.

    ResponderExcluir
  3. Muito obrigado, como ainda não sou servidora do TST ou TRT não muda nada.
    Me ajudou muito.

    ResponderExcluir