sexta-feira, 5 de julho de 2013

CLTNEWS | Concurso do TRT da Bahia: Edital previsto para este mês




Segundo a Assessoria de Comunicação do Tribunal Regional do Trabalho da Bahia (TRT-5ª Região), a  expectativa é que o edital do concurso seja publicado até o fim deste mês. O atraso é proveniente do número de vagas que ainda não foi estabelecido. A organizadora que ficará responsável pela seleção será a Fundação Carlos Chagas (FCC).

Até agora, foi estabelecido que as vagas serão para o cargo de técnico judiciário nas especialidades das áreas Administrativa e de Tecnologia da Informação (TI). Para analista judiciário, haverá oportunidades para as áreas Judiciária, Administrativa, Arquitetura, Arquivologia, Biblioteconomia, Contabilidade, Enfermagem, Engenharias Civil, Elétrica e de Segurança do Trabalho, Estatística, Fisioterapia, Medicina, Psiquiatria, Medicina do Trabalho, Odontologia, Psicologia, Serviço Social e TI.

Atualmente a remuneração de técnico é de R$4.575,16, e requer nível médio. Para analista, cargo que requer nível superior correspondente à area escolhida, a remuneração é de R$7.506,55. Todos os salários já incluem Gratificação de Atividade Judiciária (GAJ). Além disso, os servidores receberão auxílios de alimentação, médico e escolar.

A primeira etapa do concurso será composta por uma prova objetiva para todos os cargos, e uma discursiva apenas para analista. Esta etapa será de caráter eliminatório e classificatório. O último certame para o TRT-BA foi realizado em 2008, e foi organizado pelo Cespe/UNB. Foram oferecidas vagas para técnico e analista judiciário, nas especialidades de Administração, Direito, Engenharia de Segurança do Trabalho, Engenharia Mecânica, Engenharia Elétrica, Estatística, Medicina, Medicina do Trabalho, Odontologia, Psicologia e Tecnologia da Informação.

Na ocasião, foram realizadas uma prova objetiva e uma discursiva. Os candidatos tiveram de responder a questões sobre as disciplinas de Língua Portuguesa, Atualidades, Raciocínio Lógico e Conhecimentos Específicos. Os aprovados de técnico judiciário na área Administrativa ainda passaram por uma avaliação prática de Informática. Já para analista, também foi realizada uma análise de títulos, de caráter classificatório. A validade da última seleção expirou em março deste ano.

Fonte:
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário