terça-feira, 2 de outubro de 2012

CLT NEWS: Concurso do TRT-RJ - Edital previsto para dia 18



O edital do concurso para técnico e analista judiciários do Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro (TRT-RJ) já tem data prevista para sair. Segundo o presidente da comissão, desembargador César Marques Carvalho, o documento será divulgado dois dias após o término da validade da seleção realizada em 2008. Visto que o prazo encerra-se no próximo dia 16, ele deverá ser divulgado na quinta-feira, dia 18. "O edital sairá com certeza este mês, dois dias depois da validade do concurso de 2008 esgotar. Em seguida, teremos um mês para as inscrições, iniciando ainda em outubro. Já as provas continuam previstas para janeiro, ocorrendo no dia 13 ou dia 20", afirmou o presidente da comissão do concurso, na última segunda-feira, 1º.


Ainda segundo o desembargador César Marques, haverá uma novidade em relação à prova objetiva. "Será cobrada a legislação relacionada ao Processo Judicial Eletrônico (PJE). Decidimos pedir esse assunto porque o processo judicial eleitoral vai entrar em vigor, a partir de dezembro deste ano, em todas as varas do estado. Logo, o servidor terá que estar preparado", declarou.

Para o presidente da comissão do concurso, a inclusão da matéria não deve ser motivo de preocupação por parte dos candidatos. "Não vamos cobrar nada demais, será preciso apenas saber as leis, não tem mistério", disse, ressaltando que, de resto, tudo continuará igual. "O programa será praticamente o mesmo do concurso de 2008, não fizemos quase nenhuma modificação", disse, ressaltando este ano não haverá cobrança de BrOffice no conteúdo de Informática.

Em 2008, foram cobradas as disciplinas de Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico, Noções de Informática e Conhecimentos Específicos. Em Conhecimentos Específicos foram abordadas as matérias de Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito do Trabalho, Noções de Direito Processual do Trabalho e Noções de Direito Constitucional. O presidente da comissão do concurso destacou que, tanto na prova de múltipla escolha, quanto na de Redação, serão exigidas as novas regras ortográficas da Língua Portuguesa, visto que elas já entraram em vigor.

A seleção proporcionará, a princípio, 200 vagas, sendo 100 para técnico judiciário (nível médio) e 100 para analista judiciário nas áreas administrativa (formação superior em qualquer área), judiciária e execução de mandados (ambas exigindo graduação em Direito). No entanto, o desembargador César Marques garantiu que serão efeteuadas entre 1.500 e 2 mil contratações durante o prazo de validade do concurso, que deverá ser de dois anos, prorrogável por igual período.

Além da contratação dos servidores ocorrer pelo regime estatutário (garantia de estabilidade empregatícia), outro atrativo do concurso é a remuneração inicial. Para técnico, o valor é de R$4.762,96. Os analistas das áreas administrativa e judiciária recebem R$7.321,39. Já o analista em execução de mandados, R$10.195,05. Dentro desses valores já estão inseridos os R$710 de auxílio-alimentação. Vale destacar que, na remuneração do analista em execução de mandados, também já está incluído R$1.344,97 de auxílio-transporte.

2 comentários: