terça-feira, 16 de outubro de 2012

CLT NEWS | Concurso do TRT-RJ: Edital dia 18



O presidente da comissão do concurso para técnicos e analistas judiciários do Tribunal Regional do Trabalho do Rio de Janeiro (TRT-RJ), desembargador César Marques Carvalho, confirmou na última segunda-feira, 15, que o edital sairá nesta quinta, 18. Segundo ele, o prazo de inscrição terá início na próxima segunda, 22, seguindo até 22 de novembro. "O prazo de inscrição será de exatamente um mês. O edital sairá nesta quinta, 18, mas nós, juntamente com a Fundação Carlos Chagas (FCC), organizadora, ainda estamos fechando os últimos detalhes do documento", disse o desembargador. Ainda de acordo com César Marques, a distribuição das vagas pelos cargos é um dos poucos pontos em aberto.


Além disso, a data da prova objetiva e de redação também está em fase de definição. No entanto, César Marques já declarou que ela será aplicada no dia 13 ou 20 de janeiro. O presidente também reafirmou que o número de vagas será, em princípio, o mesmo previsto anteriormente: 200, metade para o cargo de técnico judiciário e as outras 100 distribuídas pelas três especialidades de analista judiciário (nas áreas administrativa, judiciária e execução de mandados) oferecidas na seleção.

O último processo seletivo se deu por meio de avaliações objetivas e discursivas, abordando as disciplinas de Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico, Noções de Informática e Conhecimentos Específicos, além de os candidatos terem sido submetidos à elaboração de uma redação.

Em Conhecimentos Específicos foram cobradas questões sobre Noções de Direito Administrativo, Noções de Direito do Trabalho, Noções de Direito Processual do Trabalho e Noções de Direito Constitucional. Houve, ainda, provas práticas de digitação para quem disputava a função de analista judiciário das áreas judiciária e administrativa, além de técnico judiciário da área administrativa. Para este concurso, o programa apresenta poucas novidades, e é possível conferí-las detalhadamente em matéria nesta página. 

De acordo com o presidente da comissão, desembargador César Marques Carvalho, o tema "Processo Judicial Eletrônico (PJe)" é a grande novidade desta seleção, visto que o sistema estará presente em todas as varas do estado até meados de 2013. "Será cobrada a legislação relacionada ao PJe porque o processo judicial eleitoral vai entrar em vigor, a partir de dezembro deste ano, em todas as varas do estado. Logo, o servidor terá que estar preparado", disse o presidente.

O PJe é um software elaborado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e com a colaboração de vários tribunais em todo o país, lançado em junho de 2011, cujo principal objetivo é ajudar e facilitar não somente os servidores, mas também toda a população, visto que, através dele, qualquer pessoa poderá consultar um processo pelo computador, sem ter que se deslocar até as varas ou tribunais. Além disso, o sistema diminuirá o tempo de tramitação dos processos e economizará papel, já que é eletrônico, colaborando com a sustentabilidade.

Outra mudança feita no programa deste concurso é a exclusão da cobrança de conhecimentos em BrOffice, que antes era obrigatória. Além disso, o desembargador César Marques avisou que é preciso ter atenção às novas regras gramaticais da Língua Portuguesa, pois elas serão levadas em conta na hora da correção da prova de redação. "O novo acordo ortográfico já está em vigor e será pedido nas avaliações. Vou fixar esse conselho porque é muito importante e muita gente deixa isso de lado. Pensa que não iremos cobrar essas regras", aconselhou o presidente.

Fonte: Folha Dirigida

Nenhum comentário:

Postar um comentário