segunda-feira, 2 de julho de 2012

Concurso em pauta para técnicos e analistas


Estudar com antecedência. Esta é considerada uma regra geral para quem pretende conquistar alguns dos cargos mais almejados do funcionalismo público.Por este motivo, quem pretende ingressar no quadro de servidores do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT 2ª) já pode começar a se preparar. Já está certo que o órgão realizará concurso público para os cargos de técnico e analista judiciários no decorrer de 2013. Os preparativos deverão ser iniciados a partir de fevereiro, quando será encerrado o prazo de validade do concurso anterior, realizado em 2008.

Para concorrer a técnico é necessário possuir ensino médio e para analistas, nível superior. Os vencimentos iniciais são de R$4.762,95 para técnicos (já considerando salário de R$3.993,08, gratificação de R$59,87 e vale alimentação de R$710) e R$7.321,39 para analistas (salário de R$6.551,52, gratificação de R$59,87 e vale alimentação de R$710). A intenção de realizar o concurso já foi confirmada, inclusive, pelo presidente do órgão, desembargador Nelson Nazar. Embora para os dois cargos existam diversas áreas de atuação, já está certo que haverá vagas  para técnicos na área administrativa (com exigência apenas de ensino médio), analista na área administrativa (nível superior em qualquer área) e analista na área judiciária, para quem possui nível superior em Direito.

Uma das características dos concursos do órgão é convocar um número de aprovados muito superior à oferta inicial. No concurso de 2008, embora fossem oferecidas apenas 21 vagas imediatas, o órgão já nomeou 3.583 aprovados, de acordo com levantamento recente, divulgado pelo órgão no último dia 20. Ao todo foram registrados 94.808 inscritos, sendo 53.519 somente para o cargo de técnico judiciário na área administrativa, que oferecia, inicialmente, apenas sete vagas. Até o momento o órgão já nomeou 1.557 aprovados para a carreira. Para analista na área administrativa foram 11.430 inscritos apenas para formar cadastro. Até o momento já foram nomeados  303 aprovados. Para analista na área judiciária, com 17.661 inscritos para duas vagas, já foram nomeados 1.318. A organizadora foi a Fundação Carlos Chagas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário